• Av. Prefeito Osmar Cunha 183 | Ceisa Center, Sala 711 A - Centro.
  • atendimento@gicondominial.com.br
  • (48) 3024-2037 | 3030-0037 | 99160-9889

Como será o seu condomínio no futuro?

  • Home / Como será o seu condomínio no futuro?

Como será o seu condomínio no futuro?

Você já parou para pensar em como a tecnologia auxilia você em várias tarefas da vida? Todos os dias, você está conectado no celular, na televisão, no carro, e claro, no seu condomínio.

Por mais estranho que possa parecer para você que tem menos de 20 anos, há alguns anos atrás elevadores, portão eletrônico e câmeras de segurança era o que se tinha como maior tendência em tecnologia para condomínios.

Com o passar do tempo, vieram as portas automáticas, as fechaduras eletrônicas e as catracas com identificação por cartão ou tags. Os elevadores e os circuitos eletrônicos também se modernizaram.

Mas com a economia do uso dos recursos naturais cada vez mais em alta, a tecnologia para condomínios hoje em dia vai muito além de botões.

As inovações que antes só ofereciam luxo, segurança e comodidade aos moradores, agora passam a contribuir para que o condomínio seja cada vez mais uma célula de ótimo funcionamento e grandes exemplos dentro da sociedade.

As tendências tecnológicas em condomínios são o tema deste artigo. Vamos apresentar as principais informações sobre esse assunto, abordando diversos aspectos. Curioso? Vem com a gente então!

 

Como será o condomínio do futuro?

 

Todo mundo já parou para pensar como será o futuro. Como vamos nos comunicar, qual será o modelo de carros, como usaremos o dinheiro, mas e os condomínios? Como eles serão no futuro? Alguns estudos mostram que, daqui a alguns anos, as moradias serão superconectadas, sustentáveis e convenientes.

Atualmente, principalmente no Brasil, as inovações tecnológicas são colocadas em prática apenas por construtoras que trabalham com condomínios de alto padrão.

O ideal é que com o passar dos anos, estas tecnologias estejam ao alcance de todos, trazendo conforto, segurança e sustentabilidade para todos.

 

A Sustentabilidade

 

A tecnologia que por muitas vezes foi o fator responsável pelo mau uso dos recursos naturais, também pode ser a salvação do planeta. Agora é a vez de utilizar a tecnologia a favor da natureza colocando em evidência técnicas, aparelhos e inovações capazes de atender a demanda da sustentabilidade. E isso pode acontecer de muitas maneiras:

  • manejo de recursos hídricos, com o sistema de captação de água da chuva, além de sistemas de tratamento e reaproveitamento;
  • uso de painéis solares para geração de energia;
  • rede de transmissão de dados por fibra ótica e cabeamento subterrâneo para oferecer os melhores serviços sem agredir o meio ambiente;
  • implantação de coleta seletiva de lixo, com tratamento adequado dos resíduos;
  • implementação de um programa completo de sustentabilidade.

 

Todas essas medidas causam impacto direto no meio ambiente, mas também ajudam a valorizar o imóvel e a conscientizar os moradores, principalmente as crianças.

 

Impactos da tecnologia na gestão de condomínios

 

É claro que a tecnologia também impactaria a gestão de um condomínio, assim como transformou a gestão de empresas e órgãos públicos.

As inovação começam no âmbito da comunicação, melhorando a relação entre síndicos e moradores, com os atuais sistemas de gerenciamento online e até mesmo aplicativos. Até a gestão financeira do condomínio melhorou, hoje em dia é possível saber em poucos segundos seus números, despesas, dívidas e receita.

O síndico pode gerar um relatório e ter a real noção da inadimplência dos moradores e também do impacto disso nas contas do condomínio.

O resultado disso são gestões mais transparentes, resolução de problemas com mais praticidade, rapidez e segurança financeira para todos os moradores, e claro, mais qualidade de vida tanto para o síndico, que administra com mais facilidade, quanto para os moradores que podem confiar em tudo que é apresentado.

 

A incorporação da tecnologia na segurança

 

A segurança é outro campo que não ficaria de fora nas questões de tecnologia.  A portaria 24 horas agora é aprimorada, e em alguns casos, o serviço é feito remotamente. A movimentação é monitorada por uma central de vigilância.

A finalidade é trocar os porteiros por operadores remotos, que abrem e fecham os portões e acompanham a movimentação no local por meio da internet e das câmeras instaladas.

É importante destacar que um dos maiores gastos dos condomínios é, justamente, a manutenção dos porteiros. É necessário contratar vários profissionais ou uma empresa que terceiriza essa atividade. Com a portaria eletrônica, por outro lado, é possível reduzir a taxa condominial.

Esse sistema é complementado por outros equipamentos, como:

  • sistemas de tags, biometria ou apps: para monitorar a movimentação de entrada e saída de moradores e visitantes;
  • abertura e fechamento remoto dos portões: realizado automaticamente por meio do operador, que fica instalado na central;
  • sistema de internet/telefonia com redundância: fundamental para exercer a comunicação entre a central e o condomínio. O telefone, nesse caso, serve como um plano alternativo em caso de problemas de conexão;
  • câmeras IPs: transmitem a imagem pela internet e facilitam a comunicação entre o operador e o visitante ou morador do condomínio;
  • gerador ou sistema de nobreak: necessário para equipamentos de segurança e de comunicação, além dos portões, para que continuem funcionando em caso de queda de energia elétrica;
  • cerca elétrica: utilizada para manter a segurança do perímetro do condomínio;
  • botão de pânico: serve para acionar rapidamente a empresa e a polícia caso ocorra algum problema. De modo geral, é cadastrado um dedo para que o morador peça ajuda se estiver em uma emergência. A vantagem é que não é levantada nenhuma suspeita caso isso aconteça;
  • backup das imagens: podem ser usadas como prova e, por isso, devem ser armazenadas, preferencialmente, em um sistema de computação em nuvem.

 

Academias inteligentes

 

Os espaços fitness são cada vez mais comuns nos condomínios. Essa é uma tendência que vem ao encontro das necessidades dos moradores.

A prática de exercícios físicos fica muito mais fácil se você possui uma academia 24 horas por dia à disposição — e o melhor de tudo: com os valores já incluídos na taxa de condomínio. É isso que as academias inteligentes oferecem — e elas vão além.

Mais do que apenas um ambiente com aparelhos de musculação, pesos e anilhas, a academia inteligente conta com sistemas modernos, como os de refrigeração, trazendo mais eficiência e economia — ao mesmo tempo em que influi pouco no padrão visual do espaço.

No caso da refrigeração, os equipamentos inteligentes podem ser ligados e desligados remotamente e ser programados para funcionar — ou desativar — automaticamente em horários diferenciados durante a semana. Assim, garante-se a sustentabilidade, oferecendo o máximo de conforto aos condôminos que usufruem do local.

A academia oferece espaço e equipamentos para exercícios aeróbicos e de musculação, a fim de que todos possam aproveitar o ambiente e utilizá-lo da melhor forma possível.

 

 

 

E aí, o que você achou destas tecnologias em condomínios? Qual delas já é utilizada aí no seu? Quer saber mais sobre algum assunto, ou gostaria de ver mais matérias como esta aqui? Deixe nos comentários suas sugestões!

Leave Comments

×
Olá 👋Precisa de ajuda?