• Av. Prefeito Osmar Cunha 183 | Ceisa Center, Sala 711 A - Centro.
  • atendimento@gicondominial.com.br
  • (48) 3024-2037 | 3030-0037 | 99160-9889

Como evitar os problemas mais comuns em obras de condomínio?

  • Home / Como evitar os problemas mais comuns em obras de condomínio?

Como evitar os problemas mais comuns em obras de condomínio?

As obras fazem parte da rotina de todos os condomínios. São elas que valorizam o patrimônio e o mantém sempre adequado às necessidades dos moradores da melhor maneira possível. Mas, realizar obras é sempre um momento difícil e que exige muita atenção do síndico. Listamos algumas dicas indispensáveis para você, síndico, passar por obras evitando problemas e prejuízos ao condomínio. Confira:

 

Tenha tudo planejado

Para realizar um bom planejamento é necessário adquirir o máximo possível de informações sobre a obra a ser realizada no condomínio, além disso, é preciso focar sobretudo na finalidade da obra. O ideal nessa situação é fazer a contratação de um especialista que estude todas as alternativas, técnicas, preços e prazos, Dessa maneira, as chances de algo não sair como o planejado durante a obra serão muito menores.

 

Calcule todos os gastos

Após definida a melhor técnica a ser aplicada e a melhor empresa para realizar a obra, levando em consideração preço e qualidade de serviço, é chegado o momento de pensar em como será feito o pagamento. É importante ressaltar que pagamentos à vista proporcionam maiores chances de negociação de descontos, por isso, vale a pena pensar em uma alternativa de pagamento imediato. Caso a obra seja de natureza emergencial, administrar o dinheiro de diferentes fundos pode ajudar a conseguir o valor necessário para o pagamento da obra. Dessa maneira, o rateio entre os moradores terá um valor muito mais baixo.

 

Tenha a aprovação dos moradores

É importante ressaltar que o artigo 1.348 do Código Civil, define os tipos de obras dos condomínios classificando entre: Necessárias, Úteis ou Voluptuárias . Por esse motivo, dependendo do tipo de obra a ser executada, talvez seja necessária a convocação de uma assembleia extraordinária para sua aprovação. Nesta assembleia, também, pode ser constituída uma comissão de obras para auxiliar na fiscalização e que irá representar os interesses dos demais condôminos. Apenas após a aprovação, a empresa poderá ser contratada para dar início à obra.

 

Principais problemas em obras

Mesmo após seguir todos esses passos, durante a obra podem acontecer alguns imprevistos, conheça os mais comuns:

Projetos mal elaborados: um projeto com falhas pode não resolver o problema do condomínio e, além de tudo, causar a sensação de dinheiro jogado fora;

Atrasos: retardos no cronograma da obra podem ser causados por diversos motivos, como falta de material ou de mão-de-obra, por exemplo.

Utilização de materiais de baixo custo: isso pode ocasionar que a obra tenha pouco tempo de durabilidade, sendo necessária uma nova obra em pouco período de tempo.

Processos trabalhistas: podem ocorrer a abertura de processos trabalhistas por parte de funcionários de terceirizadas que trabalharam na obra de maneira irregular. Por isso, é importante no momento da contratação da empresa que realizará a obra, obter informações sobre a reputação, referências e, também, consultar a qualidade do serviço prestado.

Leave Comments

×
Olá 👋Precisa de ajuda?