• Av. Prefeito Osmar Cunha 183 | Ceisa Center, Sala 711 A - Centro.
  • atendimento@gicondominial.com.br
  • (48) 3024-2037 | 3030-0037 | 99160-9889

Eleição de Síndico – momento importante e decisivo

  • Home / Eleição de Síndico – momento importante e decisivo

Eleição de Síndico – momento importante e decisivo

O momento da escolha de um novo síndico é de grande importância para o condomínio. É nessa etapa que o condômino escolhe quem será seu representante pelos próximos dois anos. Vejamos a seguir algumas dúvidas frequentes sobre o momento da votação:

Como é realizada a assembleia de votação?

Para a eleição ter valor legal é necessário ser convocada uma assembléia geral, na qual, os condôminos votantes deverão escolher a nova gestão. Legalmente basta a maioria dos condôminos presentes na assembleia (adimplentes é claro) para eleger o síndico, a menos que sua convenção determine quorum especial.

Quem pode se candidatar?

Qualquer pessoa pode se candidatar ao cargo de síndico (morador ou não) desde que não esteja inadimplente com as contas do condomínio. Especialistas também recomendam que o candidato não esteja com o seu CPF negativado em órgãos de proteção ao crédito. Fora isso, o responsável pelo condomínio pode ser uma pessoa ou empresa, e residir ou não por ali.

É necessário formação de chapa?

Não. Porém, se houver interesse os candidatos poderão formá-las. Assim, podem ser realizadas campanhas no condomínio, utilizando panfletos para divulgação das propostas e cartazes deixados no quadro de avisos.

Quem pode votar?

Todos condôminos com exceção de inadimplentes e inquilinos. No entanto, se o morador inquilino obter uma procuração do proprietário do apartamento poderá, também, participar da votação.

Como ocorre a votação?

Na ocasião da assembleia, a atual gestão deverá  expor as contas do condomínio para averiguação e aprovação dos moradores. Em seguida, cada candidato a síndico terá um tempo predeterminado  para apresentar seus projetos de gestão aos condôminos. Após a exposição de ideias é realizada a votação.  Lembrando que além da votação para síndico, pode ser realizada a eleição para Conselho Fiscal do condomínio, o qual deverá ser formado por moradores que se dispõem a fiscalizar as contas do síndico.

É importante ressaltar que administrar um condomínio não é tarefa fácil e exige muita responsabilidade e comprometimento. Para ter um bom administrador é importante eleger alguém que possua algumas qualificações fundamentais como:

  • organização;
  • conhecer rotinas administrativas;
  • capacidade de liderança;
  • facilidade de comunicação;
  • disponibilidade de tempo;
  • ser aberto a diálogos e opiniões;
  • compreender bem as necessidades imediatas do condomínio;
  • ter um bom relacionamento com os demais moradores.

Leave Comments